27/07/17 | 16:50
Prefeito dá início ao projeto ‘Manaus 2030’ em workshop com secretariado

 

“Temos feito muito pela Manaus de hoje, mas é preciso pensar na Manaus do futuro”. Foi com essa mensagem que o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, deu início, nesta quinta-feira, 27/7, às primeiras ações do projeto “Manaus 2030”. Durante workshop direcionado ao secretariado e demais servidores da linha de frente de sua gestão, realizado no Da Vinci Hotel, zona Centro-Sul da capital, o prefeito reforçou a importância da racionalização dos recursos municipais para garantir, cada vez mais, melhorias para população.

 

“É uma proposta para esta e para outras gestões, porque planeja o desenvolvimento da cidade e organiza o provisionamento orçamentário em longo prazo, pondo fim na descontinuidade de ações importantes para população a cada troca de prefeito”, destacou Arthur. “Com isso, damos um passo seguro em direção à vocação de cidade mundial que Manaus possui”, completou.

 

Ainda segundo o prefeito, a cidade terá muito mais segurança financeira, atraindo inclusive novos investidores, a partir do planejamento estratégico de sua gestão. “Ainda estamos engatinhado, se nos compararmos com outras cidades como Curitiba, por exemplo. Mas estou muito honrado por participar deste começo, que levará Manaus à sua maioridade”, finalizou.

 

O 1º Workshop Manaus 2030 é resultado do Plano Estratégico da Gestão Municipal, instituído com o Decreto 3.712/2017, que pensará Manaus, pelo viés orçamentário, nos próximos 12 anos. Nesse primeiro momento, as ações serão pautadas no envolvimento coletivo dos gestores de cada órgão para definir os eixos estratégicos da Administração Municipal, como a visão, a missão e os valores da Prefeitura de Manaus entre os anos de 2018 a 2030. O evento também contou com a consultoria do Instituto Aquila.

 

“Serão cinco momentos, a começar por esse workshop, onde serão escolhidas as propostas que irão integrar o legado de planejamento estratégico de Manaus para os próximos anos”, explicou o secretário municipal de Finanças, Lourival Praia, reforçando que ainda haverá outras edições do evento.

 

“Esse processo tem várias etapas até chegarmos aos eixos estratégicos nas áreas de Saúde, Educação, Social, Infraestrutura, entre outros aspectos importantes para a cidade que queremos em 2030. O orçamento estará casado com as ações desses grandes eixos, observando ainda o Plano de Governo registrado pelo prefeito em cartório durante a campanha eleitoral”, reforçou a secretária municipal de Administração, professora Luiza Bessa.

 

O planejamento conta com a participação de todas as secretarias, sob a coordenação de um comitê, integrado pelas secretarias municipais de Administração, Planejamento e Gestão (Semad), Finanças, Controle Interno e Tecnologia da Informação (Semef), além do Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb) e da Secretaria Municipal Extraordinária (Semex).

 

O Comitê Técnico de Planejamento vai conduzir a execução e controle do Modelo de Gestão Estratégica do Município, além de apoiar a elaboração do Plano Plurianual, da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e da Lei Orçamentária Anual (LOA).

 

Texto: Alita Falcão / Semcom

Fotos: Alex Pazuello e Marinho Ramos / Semcom